Circuito Mineiro de Vôlei de Praia recebe atletas

Competição, realizada pela primeira vez em Itaúna, reúne jogadores de várias cidades

O futuro do vôlei de praia entrou em quadra, no último final de semana, para disputar mais uma etapa do Circuito Mineiro, nas categorias sub-15, sub-17 e sub-19. A competição reuniu atletas de várias cidades do estado e foi realizada pela primeira vez em Itaúna, por meio de uma parceria inédita entre a Secretaria Municipal de Esportes e a Federação Mineira de Vôlei – FMV.

Com um número recorde de inscrições, 24 duplas, divididas em três categorias e duas modalidades, masculina e feminina, participaram do evento. Os mais jovens abriram os jogos. Eles disputaram o formato festival 4×4, com quatro titulares e dois reservas, revezando alternadamente.

Em seguida foi a vez dos atletas sub-17. E os jogadores de Betim dominaram o pódio. Entre as meninas, a medalha de ouro foi para Izabela e Emanuely (Betim); a de prata para Inara e Thais (Betim); e o bronze ficou com Lorrayne e Flora (Betim). Entre os garotos, Henrique e Rafael (Betim) dominaram as disputas e garantiram o título; Luís e Matheus (Betim) ficaram em segundo; e Cristhian e Marlon (Betim) conquistaram a terceira colocação.

O secretário municipal de Esportes e Lazer, Gustavo Dornas Barbosa, reconheceu a força do vôlei, e destacou a importância do incentivo do poder público na formação dos jogadores. Em Betim, a Prefeitura mantém o projeto “Viva o Esporte”, de apoio aos atletas. O programa é semelhante ao “Meu Esporte”, executado em Itaúna pela Prefeitura, para a valorização das várias categorias esportivas.

“Tivemos a certeza de que quando há incentivo, os resultados aparecem. A Prefeitura de Itaúna está estruturando algumas modalidades para reforçar o apoio aos desportistas. O projeto de Apoio ao Atleta Itaunense que, somente em 2017, deve investir R$ 48 mil na formação dos competidores em torneios municipais, nacionais e até internacionais, é uma das principais políticas do Governo no setor”, afirmou o gestor. “Agora, nosso desafio é aumentar as oportunidades oferecendo as condições necessárias para o desenvolvimento profissional e social dos jogadores, ampliando o calendário esportivo e promovendo a integração dos atletas”, completou Gustavo.

A realização do Circuito Mineiro de Vôlei de Praia, em Itaúna, trouxe para o Município o presidente da Federação Mineira de Vôlei, Tomas Mendes, que elogiou a estrutura da cidade para receber esse tipo de competição e gostou dos resultados. “A nossa proposta é descentralizar o esporte e encontramos, em Itaúna, o cenário ideal para unir na cidade atletas locais e da região”, analisou.

Fonte:http://www.itauna.mg.gov.br

 

Relacionados